Austrália: Turismo em Down Under

A Austrália não é somente um dos grandes destinos de estudantes que sonham em aprender inglês, mas uma grande atração turística. Pudera, o país é lindo de viver! E tem de tudo um pouco. Praias de tirar o fôlego, aquele deserto das fotos com as placas de cangurus, uma parte tropical, e pasmem, até neve tem. Tem uma das comemorações de Ano-Novo mais famosas do mundo (Sydney), grandes eventos mundiais (Aberto da Austrália de tênis, por exemplo), e claro, a grande barreira de corais.

Tem muito lugar lindo para visitar na Austrália, então você precisa decidir o que gostaria de ver. O país é geograficamente grande (o mesmo tamanho do Brasil) e as paisagens são bem diferentes entre si. A Austrália é um daqueles países que você pode viajar por aqui por três meses e não irá conhecer tudo.

Fazer turismo na Austrália é, primeiramente, caro. Hospedagem é cara, comida é cara, os voos para chegar aqui são caros. É claro que tem promoção e como o país é muito grande, varia bastante de cidade para cidade e dá para achar alternativas (camping, por exemplo). Mas em geral, é caro, também por ser tudo em dólar. Se você, como eu, vem para Perth que é isolada do mundo, vai perceber que é mais barato ir daqui para Bali, do que para Sydney. Ainda bem que a costa daqui é maravilhosa e viajar por aqui é muito bacana e lindo. Do lado de cá tem a Coral Coast (a irmã menor e menos famosa da Grande Barreira de Corais), uma região vinícola muito boa, Broome e Darwin, lá em cima no norte da Austrália.

DSC08753
Ah as praias…..

Sydney é uma cidade fantástica. A sensação de Austrália é lá. Ver a Harbour Bridge com a Opera house ainda me dá arrepio. A cidade é linda, arborizada, as praias são lindas e o povo australiano é muito amigável.

Melbourne é muito bacana também, tem muita coisa para fazer e de tudo um pouco. O aberto de tênis da Austrália é lá, a Formula 1 também. A cidade é linda, como quase toda cidade australiana, cortada por um rio.

Agora se você esta do lado de lá da costa, em Sydney, Melbourne ou Brisbane, terá mais opções de viagens baratas entre essas cidades até Adelaide, Tasmania e a capital, Camberra. Já pro meio do continente, tem o famoso Outback, o deserto australiano, e aquela pedra imensa, a Uluru. Já passeei muito pelo meu estado, a Western Australia. Escrevi sobre minhas viagens indo para o Sul da Western Australia e um pouco para o Norte. Passeamos muito na cidade e arredores também. Tenho muitas dicas sobre Perth para quem vier para cá.

Como disse acima, viajar para cá é caro. A começar pelo voo, se você vem do Brasil. A hospedagem varia, mas um quarto privativo em um albergue custa em média $60 em Perth. Nas cidades menores os preços são melhores. O Airbnb é uma excelente alternativa. Por uma semana em Sydney, paguei $650 no Ano-Novo, em um bairro não muito afastado e perto de transporte público, elevando em conta que era Ano-Novo, foi muito barato.

DSCN0478

Assim, a primeira dica importante é ter foco e fazer escolhas. Como toda viagem, depende de quantos dias você tem e seu orçamento. Quer conhecer as grandes cidades e mais famosas? Focar em praias? Deserto?

Como hospedagem é cara, mas existem alternativas. O Airbnb é uma delas. Camping é outra, e se você curte essa ideia, abre-se um novo leque pois, acampanhar é muito comum aqui. E falando em camping, tem de tudo: sem estrutura e com estrutura. Alguns têm até piscina e cozinha equipada. Claro que você não vai achar um camping no meio de Mebourne, então isso vale mais para as praias. Também há albergues, que eu amo, devido a possibilidade de conhecer outras pessoas. Parece que por mais que você esteja viajando sozinho, num albergue, você nunca estará.

Um outro tipo de hospedagem que acaba sendo meio de transporte também e é bem popular são os “motorhomes” ou “campervans” (aquelas vans ou micro-ônibus com cama e cozinha dentro). Muita gente aluga em Melbourbe e sobe até Cairns, por exemplo, onde fica a barreira de corais. São alguns milhares de quilômetros de viagem que dá pra fazer em duas ou três semanas com calma, parando em Sydney, Brisbane e Surfers Paradise no caminho, por exemplo.

Meio de transporte por aqui é acessível (bem, depende para onde você estiver indo). Você pode viajar de carro, de trem de luxo, de ônibus, de avião. Os voos são baratos entre as cidades do mesmo lado da costa (Melbourne e Sydney, Brisbane e Gold Coast). Para ir da costa leste para a oeste fica um pouco mais caro pela distância. De Perth para Sydney tem a mesma distância que São Paulo para Manaus, para se ter uma ideia. Dentro das cidades, ônibus e trens são ótimos. Um pouco caros, mas uma dica para economizar é procurar o cartão de transporte de cada cidade pois tem uns pacotes bem legais, alguns com um limite de quanto se gasta por semana independente de quantos trens, metrôs ou ônibus você pegue. Dá para fazer quase tudo de transporte público sim.

Época do ano: verão ou primavera são as melhores épocas. Outono é legal, mas é frio. Fora que tem muita coisa bacana para fazer nessas estações. E falando em coisa para fazer, parques e praias são as maiores atrações turísticas na Austrália, então acaba ficando barato passear por aqui. Prepare o tênis. A grande atração turística daqui são as belezas naturais.

Frio no fim da tarde em Albany

Uma coisa bacana daqui é que a farofa é descolada. Então fazer sanduíche e levar para comer, de boa. Até rola fazer um churrasco nos parques e até comprar um frangão no mercado e comer nas praças. Você até corre o risco de ver alguns executivos sentados do seu lado fazendo o mesmo. É uma opção barata para alimentação durante sua estadia.

Uma coisa que a Austrália tem é segurança. É muito tranquilo turistar por aqui. Andar com o celular procurando coisas no GPS, largar as malas no quarto do albergue, caminhar a noite pelas ruas desertas.

Viajar dentro da Austrália é tranquilo mas a distância entre as cidades pode ser longe. NA Costa leste é mais tranquilo, mas se for dirigir por aqui (sempore lembrando que a mão é inglêsa), veja o roteiro para não correr o risco de ter um deserto sem nada no caminho por kilômetros.

Outra coisa: em parques nacionais se paga uma taxa de preservação. Pesquise antes pois tem como comprar antes o ticket para poder visitar todos e se economiza bastante.

A Austrália é maravilhosa. Pesquise bem seu destino e veja dicas de quem já veio.

Algumas dicas:

  • Se você tem poucos dias, vá para Sydney e Melbourne e arredores;
  • As praias mais famosas estão em Gold Coast e Surfers Paradise como Byron Bay. Se você quiser conhecer praias tão lindas quanto, mas quer fugir dos tradicionais, venha para Western Australia;
  • Partes mais lindas do Deserto: Uluru e Kimberley;
  • Tasmânia é conhecida como uma mini Nova Zelândia;
  • Se você gosta de vinho, melhor região é Barosa, no Sul da Austrália;
  • Quer ver neve? Camberra é sua cidade (no inverno, claro) e Blue Montains;
  • A cidade mais próxima da barreira de corais é Cairns. Aqui na Western Australia também tem uma barreira de corais e é maravilhosamente igual a mais famosa.

Planeje bem, boa sorte com as escolhas e boa viagem!

Post publicado originalmente no BPM e adaptado para esse blog

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s