Austrália: A luta pela casa (quase) perfeita

Todo mundo que vem morar na Australia sonha em morar na praia, de frente para o mar. Todos. E nós, como todos, pensavamos isso. Fechamos uma kitnet na escola de inglês por duas semanas e depois iriamos procurar (e achar) a casa dos sonhos (na praia).

A primeira coisa que aprendemos: aqui na Australia não existe corretor como no Brasil. Você não vai na imobiliária com seus requisitos para uma casa e eles tem ligam com uma lista e os horários que você pode ver o imóvel. Aqui, você vai atrás, você descobre quando terá o tal “viewing” e aparece lá. Você acha a sua casa, normalmente pelo site das imobiliárias ou pelo site geral das imobiliárias.

Os “viewings” são outra experiência surreal. A imobiliária marca um dia para abrir a casa para pessoas interessadas darem uma olhada. Dura 15 minutos. Pode ter gente morando na casa ou não. Você chega no endereço e normalmente, tem um monte de gente esperando para ver a casa também. Lembro que fomos em um viewing de um apartamento meio studio e tinha umas 30 pessoas esperando para ver o imóvel.

Bem, ai você foi e viu o imóvel e gostou. O que fazer agora? Você “aplica”. Isso significa que você pega o “application form” com a corretora (você e a torcida do Flamengo em alguns casos), preenche os mil dados e aplica.

Preencher os mil dados significa dar referências pessoas e profissionais, e para quem acabou de chegar na Australia essa pode ser uma tarefa bem complicada. Para nós foi. Tivemos que pedir para escola de inglês dar referência e para amigos que tinhamos acabado de conhecer. Sem histórico, sem referência fica, muitas vezes, bem complicado conseguir um imóvel logo de cara.

Algumas imobiliárias exigem que você pague para aplicar para um imóvel. A razão é que muitas pessoas aplicam para um monte, eles perdem tempo selecionando e ai quando te avisam você escolheu outro e eles tem começar o trabalho novamente. Algumas você paga o valor de uma semana de aluguel, algumas um valor determinado. Se você é selecionado (ja entro nesse mérito) o valor pago fica como primeiro aluguel ou desconta do valor. Se você não é selecionado eles devolvem. Se você é selecionado e recusa, eles retém o valor. Isso faz você pensar muito se vai ou não aplicar.

Quanto ao ser selecionado: você aplica, preenche as mil informações, coloca referência (e aqui eles ligam mesmo para as referências) e com alguns documentos enviam para o dono que escolhe. Tem casas que estão meses sem alugar porque o dono é super exigente. Passamos por uma situação de não ser selecionado, perguntamos porque a corretora disse “o dono não gostou de ninguém que aplicou”. O critério além de subjetivo é totalmente dele.

Os preços. Perth é uma cidade cara. E aqui tudo (na Australia) é por semana, não por mês. O valor do imóvel depende da proximidade do centro (chamado de CBD), do trem e claro, do tamanho (quantos quartos, banheiros). Um studio em Subiaco (bem próximo a city) pode custar $300 por semana, porém um studio em Victoria Park (mais longe) $210 e Beckenham $180. Uma casa em Como dois quartos e um banheiro custa $400 por semana, em Victoria Park $320.

Um detalhe: aqui eles contam banheiro e banheiro e meio. Normalmente a privada é separada do chuveiro. Quando se lê que a casa tem 1 ½ banheiros significa um chuveiro e dois separados com privada. Townhouse (dois andares) é bem comum.

Você então aplicou, pagou a taxa, o dono te adorou e você recebe aquela ligação maravilhosa te avisando que a casa é sua. O contrato é assinado na imobiliária, momento que você paga o “bond”, uma espécie de calção exigido pelo governo que será devolvido quando você se mudar. Ele normalmente equivale a 4 semanas de alguel.

Quando recebi a ligação da nossa primeira casa, uma unit (apartamento com quintal) no Subiaco (um bairro super perto do CBD) a sensação foi um alívio imenso e um sentimento de que finalmente a vida iria começar aqui na Australia. A casinha era minúscula, mal cabiam as nossas malas. Segundo ano optamos por uma casa com dois quartos e uma sala grande para receber os amigos em um bairro um pouco afastado. E estamos indo para nossa terceira casa, agora, finalmente a casa “completa” como meu marido disse. Perto do Swan River e a minutos (de bike) dos nossos trabalhos.

E quanto a morar na praia? Ficou no sonho, na expectativa daquela Australia perfeita que existe só na nossa cabeça. Dá para morar na praia sim, mas nós optamos por morar mais próximos aos nossos trabalhos e ter mais a tal qualidade de vida que buscavamos ao sair do Brasil. Não é pela praia, é pelo rio, mas irei de bike para o trabalho em breve.

A maioria das pessoas que conheço que mora na praia, mora longe de transporte público e longe de seus trabalhos ou em shared houses. Tem pessoas que alugam aquelas casas imensas, maravilhosas com 5 quartos e sublocam os quartos e dividem as despesas. Pode ser interessante, mas eu estou velha para isso. Só queria achar um cantinho para chamar de nosso e cozinhar meu feijão em paz.

*Publicado originalmente no blog Brasileiras pelo mundo

Esse post foi escrito em 2014. Hoje, a situação do mercado financeiro esta um pouco diferente. A crise bateu forte em WApor conta da mineração. A casa do Como que aluguei por $410 por semana hoje custa $320. A pessoa que morou antes na casa que moro hoje, pagava $150 a mais por semana que eu pago.

 

Vale a pena dar uma olhada no resultado das estatísicas de criminalidade da polícia de WA: https://au.news.yahoo.com/thewest/a/32156596/perths-crime-hotspots-see-how-your-suburb-rates/#page1

 

Para comprar esta muito bom também. Continuo na mesma casa, me preparando para mudar em setembro para uma casa mais barata, com quartos maiores e mais apropriada para criança. A maternidade muda muito nossa cabeça e as prioridades…. mas o feijão continua no fogo :-).

Anúncios

9 comentários sobre “Austrália: A luta pela casa (quase) perfeita

  1. Oi Aline, tudo bem?? Primeiramente queria elogiar o seu trabalho e dizer que desde que eu e meu noivo decidimos morar em Perth, ando lendo muito o seu Blog, o que vem me ajudando bastante!! Gostaria de perguntar sobre moradia de uma forma geral e Perth? Os melhores Bairros para morar, numa relação custo benefício?? Morar próximo ao Centro no início é uma boa escolha?? Comprar casa é muito caro(tenho muito interesse em comprar uma casa p chamar de minha a longo prazo)?? Qual bairro que vc mora?? Obrigada pela ajuda!! (Pretendo ir no final de 2017) Bjosss

    Curtir

    1. Raquel, tudo bem?
      Fico muito feliz em meu blog ser útil e ajudar vocês. Cada post é escrito pensando muito cuidadosamente, normalmente, de acordo com as perguntas dos meus queridos leitores.
      Estou escrevendo um post mais detalhado sobre bairros e sobre comprar casa, aguarde!! Dá uma olhada no site http://www.realstate.com.au que dá para ver os preços.
      Eu moro em Salter Point :-).
      Beijos

      Curtido por 1 pessoa

  2. Nossa, esse post ajudou muito, como estamos aguardando nosso visto ser aprovado, já estávamos vendo lugares para alugar, mas em nenhum lugar vi falando que era paga a aplicação para o aluguel!

    Adorando todas as informações!

    Curtir

      1. Pode deixar que se tiver dúvidas vou perguntar sim! Pelo que vimos, a mudança do visto 457 está fazendo as aprovações dos vistos serem mais rígidas, pq tinha empresas pagando menos que o mínimo. Os preços de aluguel que vimos em Sydney achei um horror de caro, mas vi que tem muitos lugares para alugar.
        Meu marido já vai empregado, e eu terei que me adaptar (primeiro melhorar meu inglês) e ver se consigo algo na minha área, sou arquiteta =)

        Obrigada pelas dicas!

        Curtir

      2. Sydney é caríssima, mas sim tem bastante imóvel para alugar. Quanto mais perto do centro mais caro. Mas a cidade é demais, você vai amar.
        Foca no inglês que ele estando bom é mais fácil conseguir algo na sua área. Se tiver qualquer dúvida pode mandar.
        Boa sorte e obrigada por acompanhar o blog ❤️

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s