Como tirar os documentos essenciais na Austrália

Todos os dias brasileiros desembarcam nos aeroportos na Austrália com frio na barriga, uma felicidade de estar realizando o sonho e muito medo. Muitas das dúvidas que as pessoas tem, eu tento responder em meus posts, aqui no BPM e no meu blog Fui logo Ali.

Uma pergunta bem recorrente é relacionada a burocracia. Em geral, as coisas aqui são tranquilas de fazer. O contato com o governo é, normalmente, feito pelo telefone. Na imigração, por exemplo, você liga, fala com um agente e ele tira suas dúvidas. Abrir conta no banco, tirar carteira de identidade, motorista, tudo tem seu procedimento, e não há muita flexibilidade. As coisas aqui são bem “preto no branco”. O que é seu de direito, é seu. Você não precisa conhecer ninguém no cartório para conseguir uma certidão mais rápida. Se o prazo é 3 dias, em 3 dias estará pronta ou até menos. Mas se você precisa para 2, dificilmente terá. Por que as regras são as regras.

Vamos começar a falar dos documentos:

  • Documento de identidade: é preciso andar com passaporte? Se é seu único documento de identidade, sim. Sem um, você corre o risco de ser barrado em um bar, por exemplo. O proof of age card  é uma boa alternativa. Ele é um documento de identidade que se tira em determinados correios (os que tem o departamento de trânsito junto) e tem sua data de nascimento. Os procedimentos são: preencher o formulário, ir até o departamento e é isso. Ee custa na Western Austrália, $43. Informações aqui. A desvantagem é que só vale no Estado que você tirou e cada Estado tem seus procedimentos. Portanto, ele não serve como identidade em Mebourne, se você tirou em Perth.
  • Carteira de Motorista: Em geral, você pode dirigir com sua carta brasileira, contato que você ande com uma tradução juramentada em inglês junto. Regra geral aqui. Se você não tem carta no Brasil o proceso é diferente. Tem que fazer aulas, passar um ano com a permissão para dirigir e o processo inteiro custa em torno de $1000. Você pode fazer as provas quantas vezes precisar se repetir. A grande vantagem é que a Carta de Motorista vale na Austrália inteira como documento. O processo para tirar a carta aqui, se você já tem a sua brasileira é o seguinte:
    • Você vai até o Departamento de Transito e dá entrada preenchendo um formulário. Leve passaporte, a carteira de motorista.
    • A prova teórica custa $30 e você faz em um computador no Departamento mesmo. Aconselho a ler manual com as regras de trânsito, pois elas são bem diferentes do Brasil. Lembrando sempre que a Austrália é mão inglesa.
    • Prova prática: custa $70 e você precisa levar um carro. Eu sei, bizarro. São 4 etapas, fazer uma baliza em uma vaga de shopping, dirigir parar e voltar para onde estava, dirigir perto de uma área específica (escola, por exemplo). Mais informação aqui.
  • Conta em Banco: abrir conta em banco aqui é muito simples: precisa de comprovante de residência, passaporte e uma carta da instituição de ensino, emprego dizendo que você estuda/trabalha lá e vuolá, conta aberta. A parte difícil é ter comprovante de residência no começo da vida aqui (tem que ser uma conta no seu nome ou carta de um órgão do governo) e escolher qual o banco. Eu abri conta no HSBC por ser um banco internacional (e na época existir no Brasil), então para trazer dinheiro era bem simples e a taxa cambial ótima. Quer saber mais sobre bancos na Austrália clique aqui. Para fechar a conta, um email resolve. Só tirar todo dinheiro de lá e pronto.
  • Carteira de transporte: Cada Estado tem o seu. Em Western Australia, chama Smart Rider e para tirar o seu, a Transperth que é o departamento de trânsito que irá emitir. Na estação de trem no centro da cidade tem. Mais informação sobre Smartrider aqui. Em NSW é o Opal. Mais informação aqui. Em Victoria chama Myki. Para mais informação aqui. E em Queensland chama Gocard. Para mais informação aqui.
  • Carteira de Estudante: com o comprovante de matrícula da escola ou uma carta com os detalhes do seu curso, carga horária, e data que acaba o curso. Essas informações são todas eletrônicas e ficam armazenadas no cartão. Sendo assim, se você é estudante tem desconto no cartão de transporte. MAs assim que acaba seu curso, seu desconto acaba, autometicamente. É tudo eletrônico. Para fazer o cartão só comparecer em casa lotérica. Não custa nada.
  • TFN, Tax File Number: é o documento mais importante para trabalho. Sem ter o seu número de TFN, você não recebe dos trabalhos realizados, nem pode trabalhar. Os empregadores pedem esse número logo de cara. Para tirar o seu é só entrar no site do governo e fazer online. A propaganda fala que você faz o seu em 60 segundos. Eu fiz o teste de curiosidade e sai mesmo. Uma dica é que a correspondência que você recebe com o número do seu TFN, que sim, chega pelo correio, serve como comprovante de residência para abrir a conta de banco. Para mais informação clique aqui.

Espero ter ajudado e qualquer dúvida, só mandar.

 

Anúncios

2 comentários sobre “Como tirar os documentos essenciais na Austrália

  1. Bom dia !!

    Tudo bem ?

    Seu blog é muito bom e sempre passando informações necessárias para os nômades Brasileiros.

    Gostaria de saber se você tem um blog que dê informações sobre Portugal.

    Obrigado,

    André

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s